Nasceram mais bebés em 2015 mas o saldo ainda não é positivo

Esta app diz porque chora o seu bebé

O número médio de filhos por mulher, em Portugal, subiu em 2015 para 1,3, face a 1,23, registado em 2014.

De acordo com as estimativas divulgadas, esta sexta-feira, pelo Instituto Nacional de Estatística (INE), no ano passado houve um aumento de 3,6% de nascimentos de nados-vivos, correspondendo a um total de 85.500. Em 2014, o valor tinha sido 82.367.


Leia também o artigo Os nomes mais escolhidos em 2015


Em 2015, nasceram em média, por dia, 234 crianças em território português. Apesar da ligeira recuperação comparativamente a 2014, verificou-se, por outro lado, um aumento de óbitos, que contribuiu para que o saldo natural da população se mantivesse negativo.

Analisando a última década, constata-se também que a média de 1,3 filhos por mulher registada em 2015 está ainda longe dos 1,42 de 2005, ainda que reflita uma subida gradual desde 2013, ano que apresenta o valor mais baixo dos dez.

“No período de 2005 a 2015, o índice sintético de fecundidade apresenta uma tendência de declínio, ainda que com ligeiras oscilações, atingindo em 2015 o valor de 1,30 filhos por mulher, o que traduz uma recuperação face aos valores de 1,21 e 1,23 filhos por mulher de 2013 e 2014”, conclui a informação do INE.

 

 

SUBSCREVER

Subscreva a newsletter e receba semanalmente todas as noticias de forma confortável

packshot_site

APP DELAS

Aceda por telemóvel, smartphone ou tablet as notícias, informações, num ambiente atrativo e intuitivo, compatível com o seu equipamento.

Appstore Googleplay

Refugiadas na Europa mais expostas à violência s…