A general que lutou pela independência grega

A general que lutou pela independência grega

Laskarina Bouboulina foi uma heroína da guerra da independência grega no século XIX. Viúva por duas vezes, em ambos os casos de armadores, reinvestiu bem o dinheiro herdado, criando não só sete filhos como mandando construir uma frota que a partir de 1821 se dedicou a combater o Império Otomano. Entre os barcos de Bouboulina estava o ‘Agamemnon’, o maior dos navios usados pelos rebeldes gregos contra os turcos. A história extraordinária desta mulher começa logo no nascimento, que ocorre em 1771 numa prisão de Constantinopla quando a mãe está a visitar o pai, castigado por ter participado numa revolta no Peloponeso. Após a morte do pai, vai viver para a ilha de Hydra e depois para a de Spetses, acompanhando a mãe e o novo marido desta. Fará desta segunda ilha a sua base e a maioria dos tripulantes da sua frota durante a guerra foram gentes de Spetses. Entre os maiores feitos de Bouboulina está a participação no ataque a Nafplion, cidade que servirá de capital temporária da Grécia. Acaba por ser presa durante os combates entre fações independentistas e mandada para Spetses, onde é morta a tiro em 1825 numa disputa entre famílias. A título póstumo é-lhe dado o posto de general. Mais de século e meio depois, a sua efígie foi posta na moeda de um dracma.


Mais artigos relacionados:
A primeira muçulmana campeã olímpica
A primeira aviadora da Turquia
A francesa de 18 anos que derrotou os nazis


 

SUBSCREVER

Subscreva a newsletter e receba semanalmente todas as noticias de forma confortável

packshot_site

APP DELAS

Aceda por telemóvel, smartphone ou tablet as notícias, informações, num ambiente atrativo e intuitivo, compatível com o seu equipamento.

Appstore Googleplay

Príncipe George vai para a escola de William