A internet está rendida à “deusa da melanina”

Esteve entre outras mulheres na campanha The Colored Girl: Rebirth (O Renascimento da Mulher Negra em tradução livre), que celebra a diversidade, mas foi ela quem acabou por se destacar. A “deusa da melalina”, como a própria se autointitula, chama-se Khoudia Diop e é uma modelo com um tom de pele único.

Diop nasceu em França, onde ainda vive, mas são as suas origens senegalesas que lhe permitiram integrar aquele projeto de Victory Jones e Tori Elizabeth. Lutar contra preconceitos é um dos seus objetivos, até porque esta modelo – também carinhosamente denominada de “Filha da Noite” ou ainda “Mãe de todas as estrelas” – já sentiu na pele o que é a descriminação racial.

14463258_1239534386099174_7947586704633483235_n

Nas redes sociais, onde mostra imagens dos seus mais recentes trabalhos, Khoudia já falou sobre o bullying que sofreu na adolescência. “Pensavam que iam conseguir tirar-me do sério ou que me fariam sentir mal com a minha pele. Bem… adivinhem? Eu sempre mostrei que não me importo com o que os outros pensavam”, escreveu.

melanin-goodness-4

Numa outra ocasião, numa publicação em forma de poema, a modelo diz que nunca se sentiu “tão orgulhosa”.

Percorra a galeria de imagens acima clicando sobre as setas.

SUBSCREVER

Subscreva a newsletter e receba semanalmente todas as noticias de forma confortável

packshot_site

APP DELAS

Aceda por telemóvel, smartphone ou tablet as notícias, informações, num ambiente atrativo e intuitivo, compatível com o seu equipamento.

Appstore Googleplay

João Ricardo operado a um tumor no cérebro