Ana Moura “absolutamente horrorizada” com incêndios de Pedrogão Grande

A fadista Ana Moura disse estar “absolutamente horrorizada” com os incêndios que devastaram este sábado, 17 de junho, o concelho de Pedrógão Grande, no distrito de Leiria, e que já mataram, pelo menos, mais de 60 pessoas, deixando 57 feridas.

“Absolutamente horrorizada com as notícias que nos chegam de Pedrógão Grande. Não consigo dizer nada. Apenas manifestar a minha profunda solidariedade com as famílias das vítimas. Um abraço de muita força a todos os bombeiros e demais autoridades que estão no terreno. Que noite tão triste”, escreveu, rematando o texto com uma imagem a negro.

Na altura em que a cantora publicou a mensagem de pesar na sua página de Facebook, o balanço apontava para 19 vítimas mortais – 16 tinham sido apanhadas pelo fogo e morreram dentro das suas viaturas, numa estrada nacional, entre Castanheira de Pera e Figueiró dos Vinhos; as restantes três faleceram por inalação de fumo.

Fotografia: REUTERS/Rafael Marchante

O número de vítimas tem vindo a ser atualizado desde a madrugada de domingo.

Entre os feridos, estão civis e bombeiros. No terreno encontram-se 250 viaturas e 700 operacionais.

Este é o incêndio florestal mais mortífero dos últimos 50 anos.

SUBSCREVER

Subscreva a newsletter e receba semanalmente todas as noticias de forma confortável

packshot_site

APP DELAS

Aceda por telemóvel, smartphone ou tablet as notícias, informações, num ambiente atrativo e intuitivo, compatível com o seu equipamento.

Appstore Googleplay

Teresa Lacerda: “A decoração é sempre mais um…