Alugar roupa é a estratégia de Anna Wintour para ter colaboradoras elegantes

transferir

O momento de escolher a roupa para ir trabalhar é uma dor de cabeça para grande parte das mulheres. Ciente dessa dificuldade, Anna Wintour, diretora da ‘Vogue’ norte-americana, decidiu ajudar as suas colaboradoras a terem um visual elegante e que acompanhe as últimas tendências da moda.

A Condé Nast, empresa que detém publicações como a ‘Vogue’, a ‘Vanity Fair’ ou a ‘Glamour’, fez uma parceria com a empresa de aluguer de roupa online Rent the Runway, o que possibilita às funcionárias escolher três peças de roupa que podem usar por tempo indeterminado. Também têm a opção de trocar essas mesmas peças por outras, se assim o entenderem.

Veja o vídeo da pop up store que a empresa de aluguer de roupa tem na Condé Nast:

Além das três peças, as funcionárias têm ainda a opção de subscrever ao serviço de aluguer de roupa por 80 euros, o que corresponde a uma poupança de 43 euros relativamente ao preço que está estabelecido. Isto porque a Condé Nast, empresa da qual Anna Wintour é também diretora artística, assegura o pagamento de 35% deste serviço.

Recorrer ao aluguer de roupas é uma prática cada vez mais frequente, principalmente nos EUA, e já não se limita apenas a casamentos ou eventos de passadeira vermelha. “A democratização da roupa no trabalho tem feito com que as mulheres gastem muito mais dinheiro por mês”, realçou A.J. Nicholas, vice-presidente da Rent the Runway.

 

SUBSCREVER

Subscreva a newsletter e receba semanalmente todas as noticias de forma confortável

packshot_site

APP DELAS

Aceda por telemóvel, smartphone ou tablet as notícias, informações, num ambiente atrativo e intuitivo, compatível com o seu equipamento.

Appstore Googleplay

A pior memória de um festival de música? Eles co…