Subir

Os anos 80 calçam sapatos portugueses

DSC_0289_93519-Editar

Dizer APICCAPS é o mesmo que dizer Associação Portuguesa dos Industriais do Calçado, Componentes, Artigos em Pele e Sucedâneos, significa isto que esta associação representa tudo o que engloba o calçado, desde a pele às solas, mas também se estende a outros artigos de marroquinaria, como carteiras ou cintos.

No entanto é nos sapatos que a APICCAPS está mais focada com uma forte aposta na comunicação para provar ao mundo que a sapataria é mesmo a “Indústria mais sexy da Europa”. Todos os anos é lançada uma nova campanha sob este tema mas esta última é distinta das doa nos anos anteriores como nos explicou Cláudia Pinto do Gabinete de Comunicação da APICCAPS:

“Este ano decidimos fazer uma coisa diferente, até para ter algo para ir comunicando durante o ano, para ter uma campanha muito mais abrangente. A Victoria Guerra foi a pessoa que escolhemos para nos representar este ano e o que fizemos com ela foi fazê-la interpretar seis personagens icónicas mundialmente.”

Os Duran Duran foram um dos símbolos representados nesta campanha e a imagem que está a encabeçar este texto foi-nos revelada em primeira mão. Victoria Guerra veste Luís Carvalho e calça sapatos portugueses com um look que se não tivesse sido roubado da banda do final dos anos 70, tinha sido emprestado à atriz pelo falecido David Bowie.

A imagem faz parte das muitas retratadas num cenário cor-de-rosa e onde a atriz mostra uma atitude irreverente. “Foi super divertido fazer esta imagem dos Duran Duran. Tinha cabelo curto, foi provavelmente a mais divertida, brinquei, dancei, estava com uma pastilha elástica na boca. Foi muito interessante por também ser uma inspiração longínqua de mim mas onde também encontrei traços meus,” contou Victoria Guerra ao Delas.pt.

Esta fotografia de campanha ganhou o nome de “80’s Muse” e junta-se a outras cinco inspiradas em mulheres como Sophia Lauren, Betty Page e Rihanna. Estas campanhas são o suporte de toda a comunicação da Associação, desde feiras, a redes sociais, bem como todas as ações de marcas realizadas ao longo do ano. Este plano de 2009 começou em 2009 depois de um estudo realizado numa feira internacional ter revelado que os compradores desvalorizavam os sapatos que lhes eram mostrados em 30% depois de saberem que tinha origem portuguesa. Um plano que tem dados frutos já que a indústria cresceu cerca de 55% e o mercado expandiu-se para 152 países desde que o plano de comunicação foi redesenhado.

a carregar vídeo

A APICCAPS é constituída por 450 associados que pagam uma cota mensal correspondente às características da sua atividade industrial, sendo cerca de 200 marcas representadas em 60 feiras de calçado anualmente. Sendo os mercados mais fortes da industria de calçado portuguesa: Espanha, França e Holanda. Os planos de expansão internacional dos sapatos nacionais passa no entanto por mercados não europeus com um grande foco nos EUA, Colombia e Japão.


Veja outras imagens da campanha aqui.


 

Margarida Brito Paes