Cate Blanchett: evolução de estilo

Cate Blanchett é uma das veteranas dos Oscars e é recorrentemente apontada como uma das mais bem vestidas da passadeira vermelha. Fizemos uma viagem pelas escolhas da atriz desde 1999 em várias cerimónias dos Oscars, descubra a evolução de estilo de Cate na nossa galeria. Givenchy e Armani são dois dos criadores preferidos da atriz, que aposta em joias exuberantes apenas quando veste vestidos sóbrios. As cores escolhidas são normalmente inesperadas, não se deixando intimidar pelo amarelo nem por tons pálidos. Quanto à maquilhagem, nos últimos anos Cate Blanchett tem optado por algo muito natural realçando os olhos de forma discreta e os lábios apenas um ligeiro brilho. Este ano escolheu um vestido Armani Privé com cristais Svaroski, plumas e palhetas, mas os maiores comentários estão a ser feitos ao cabelo, cortado para a cerimónia, pela altura do queixo.


Outros artigos relacionados:
Oscars: O que vestiram as estrelas
Lady Gaga ganha o Oscar para melhor momento da noite


Veja a lista completa dos vencedores da 88ª cerimónia dos Oscars (realizada esta madrugada):

Melhor filme:
– “Spotlight”

Melhor realizador:
– Alejandro G. Iñárritu, “O renascido”

Melhor ator:
– Leonardo DiCaprio, “O renascido”

Melhor atriz:
– Brie Larson, “O quarto”

Melhor ator secundário:
– Mark Rylance, “A ponte dos Espiões”

Melhor atriz secundária:
– Alicia Vikander, “A Rapariga dinamarquesa”

Melhor filme de animação:
– “Divertida-mente”

Melhor argumento original:
– “Spotlight” (Tom McCarthy e Josh Singer)

Melhor argumento adaptado:
– “A queda de Wall Street” (Charles Randolph e Adam McKay)

Melhor filme estrangeiro de língua não inglesa):
– “O filho de Saul” (Hungria)

Melhor desenho de produção:
– “Mad Max: Estrada da Fúria” (Colin Gibson)

Melhor fotografia:
– “O renascido” (Emmanuel Lubezki)

Melhor guarda-roupa:
– “Mad Max: Estrada da Fúria” (Jenny Beavan)

Melhor Montagem:
– “Mad Max: Estrada da Fúria” (Margaret Sixel)

Melhores efeitos visuais:
– “Ex Machina” (Andrew Whitehurst, Paul Norris, Mark Ardington e Sara Bennett)

Melhor caracterização:
– “Mad Max: Estrada da Fúria” (Lesley Vanderwalt, Elka Wardega e Damian Martin)

Melhor Montagem de Som:
– “Mad Max: Estrada da Fúria” (Mark Mangini e David White)

Melhor Mistura de Som:
– “Mad Max: Estrada da Fúria” (Chris Jenkins, Gregg Rudloff e Ben Osmo)

Melhor banda Sonora:
– “Os oito odiados” (Ennio Morricone)

Melhor canção original:
-“Writing’s on the wall” (“007-Spectre”), Sam Smith e Jimmy Napes

Melhor documentário:
– “Amy”, de Asif Kapadia

Melhor documentário em curta-metragem:
-“A girl in the river: the price of forgiveness”

Melhor curta-metragem:
– “Stutterer”, de Benjamin Cleary e Serena Armitage

Melhor curta-metragem de animação:
– “Bear Story”, de Gabriel Osorio

Percorra a galeria de imagens acima clicando sobre as setas.

SUBSCREVER

Subscreva a newsletter e receba semanalmente todas as noticias de forma confortável

packshot_site

APP DELAS

Aceda por telemóvel, smartphone ou tablet as notícias, informações, num ambiente atrativo e intuitivo, compatível com o seu equipamento.

Appstore Googleplay

Vai esquecer tudo o que lhe disseram sobre condize…