Subir

Cate Blanchett: “Toda a gente anda obcecada com o anti-envelhecimento”

Tem 47 anos e é uma das mais consagradas atrizes da sua geração. Num discurso confiante, Cate Blanchett revelou agora que não quer passar uma imagem errada de si mesma, nem aparentar ser mais nova do que realmente é.

“Tenho amigos com 20 e poucos anos que fazem tratamentos contra o envelhecimento. Toda a gente anda obcecada com o anti-envelhecimento, mas eu prefiro estar no meu melhor com a idade que tenho”, garantiu a detentora de dois Óscares, em entrevista à ‘Elle’ norte-americana.

Blanchett, que é embaixadora da marca de produtos para a pele SK-II, faz, no entanto, questão de cuidar de si e de usar os produtos que publicita. Apenas deixa bem claro que não quer esconder a sua verdadeira imagem nem sequer tentar combatê-la.

“Antigamente, havia algo de ilícito na rotina de beleza de uma mulher. Quase tinha que ser segredo. Mas eu sou incrivelmente aberta em relação a essas coisas. Todos os meus amigos sabem aquilo que eu uso”.

Blanchett é uma das protagonistas do aguardado filme ‘Ocean’s Eight’, juntamente com um elenco de luxo, no feminino, composto por Sandra Bullock, Rihanna, Anne Hathaway, Sarah Paulson, Helena Bonham Carter, Mindy Kaling e a rapper Awkwafina. Na mesma entrevista, revelou alguns detalhes da sua personagem.

“Tive de aprender a andar de mota. E a jogar muito póquer. É isso que a minha personagem faz no filme. Estava sempre a jogar com a Sandra Bullock”, revelou.

Esse é, na sua opinião, um dos pontos fortes da longa-metragem: dar a conhecer outros interesses, até agora pouco explorados, do sexo feminino. “A ideia de ver mulheres a jogar póquer… não lhes é dado muito crédito por isso. As pessoas subestimam-nas. As mulheres têm o poder de criar armadilhas nessa situação, de se divertirem e retirar prazer disso. Mas eu desejava que simplesmente tivéssemos poder, ponto final. Já passou muito tempo desde o sufrágio universal, estou farta de que os homens estejam ao comando”.

Está previsto que ‘Ocean’s Eight’ chegue às salas de cinema no verão de 2018.

Carolina Morais /Fotografia: Reuters