Decoração Dia da Criança: o melhor para o melhor

O melhor e o mais recente no mercado. É mesmo verdade que a decoração infantil contemporânea é mais dos pais que das crianças; afinal, ninguém tem um sótão tipo Peter Pan ou Nanny McPhee, num prédio onde vive com a família, para encafuar a decoração horrível que implica ter putos: tudo desarrumado porque ainda-não-está-pronto, ovo na toalha favorita porque estava-distraído, ou a expressão que dá para tudo a-culpa-é-tua-que-vinha-mal-equilibrado.

Link_Sarah

Marcel Wanders pegou nestas premissas e desenhou, assumidamente, uma coleção de mobiliário infantil para a Cybex a pensar em quem compra, que são, afinal, os pais (veja o número 2 da nossa galeria de escolhas).

Porque o quarto do(s) filho(s) pode e deve ser tanto casa decorada com propósito como tudo o resto não há cá ‘pão para malucos’. Tem que ser correto, antes de ser infantil. E muitos designers, como Wanders, já o perceberam e dão muito boa volta ao que-querido-que-fofo que temos encontrado nas lojas até agora. De forma tão bem feita que até as crianças gostam.

Graças a quem lhe desenha a mobília, pode já conciliar o Batman Preto ou a Elsa do Fronzen ora com bom gótico infantil ora com princesas nórdicas sem folclore reles e bera. Fale com ele ou com ela, ou com os sete, e convença-os de que vai ficar tão bom para ele ou ela ou eles como para si e para o resto da casa.

O melhor nem sempre é o que eles querem já. Confie em si. Mande-os fazer uma cópia, ainda faltam alguns anos para que tenham voto nesta matéria. Mais! Quando tiverem esse voto, tenham-no na casa deles.

Percorra a galeria de imagens acima clicando sobre as setas.

SUBSCREVER

Subscreva a newsletter e receba semanalmente todas as noticias de forma confortável

packshot_site

APP DELAS

Aceda por telemóvel, smartphone ou tablet as notícias, informações, num ambiente atrativo e intuitivo, compatível com o seu equipamento.

Appstore Googleplay

Sete soluções baratas para aumentar o espaço da…