Diagnóstico precoce do cancro da mama leva convidados ilustres ao Olga Cadaval

Cancro da mama

O diagnóstico precoce do cancro da mama é imperativo e é a pensar nele que a Associação Amigas do Peito prepara uma gala solidária no Centro Cultural Olga Cadaval, em Sintra, já no próximo domingo, dia 14. O objetivo é arrecadar “a verba necessária para a aquisição de um mamógrafo móvel, em viatura motorizada, que apresenta um valor superior a 200 mil euros”, anuncia a organização.

“Além de sensibilizar a população em geral para a causa do cancro da mama, a Amigas do Peito pretende proporcionar todas as condições para que mais mulheres tenham a possibilidade de realizar atempadamente o rastreio de prevenção”, acrescenta, alertando para o facto de a incidência do cancro da mama ser “superior na região centro do país quando comparado com a região norte ou sul”.

“Uma prevenção adequada permite reduzir os números crescentes desta doença que atinge, todos os anos, cerca de 6.000 mulheres (1 em cada 11) mulheres a nível nacional”.

A apresentação estará a cargo de Gonçalo Diniz e Helena Ramos e as atuações serão de Mafalda Arnauth, Eduardo Madeira, Mila Ferreira, Fernando Pereira e Mico da Câmara Pereira.

O espetáculo tem início agendado para aas 17h30 e o preço dos bilhetes é de 12 euros.

SUBSCREVER

Subscreva a newsletter e receba semanalmente todas as noticias de forma confortável

packshot_site

APP DELAS

Aceda por telemóvel, smartphone ou tablet as notícias, informações, num ambiente atrativo e intuitivo, compatível com o seu equipamento.

Appstore Googleplay

Saiba quanto custa, peça a peça, o casamento de …