Escritora Teolinda Gersão recebe Prémio Fernando Namora

teolinda-gersao

A escritora Teolinda Gersão recebe, esta quarta-feira, o Prémio Literário Fernando Namora, relativo a 2015, no auditório do Casino Estoril, nos arredores de Lisboa. Ricardo Fonseca Mota vai receber o Prémio Literário Revelação Agustina Bessa-Luís.

A cerimónia de entrega do Prémio Fernando Namora/2015 a Teolinda Gersão, pela obra “Passagens”, e do Prémio Agustina Bessa-Luís/2015, a Ricardo Fonseca Mota, pelo romance inédito “Fredo”, tem anunciada a presença do Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, e do ministro da Cultura, Luís Filipe Castro Mendes.


Leia também o artigo: A primeira negra Nobel da Literatura


O júri dos galardões, que foi presidido pelo administrador da Fundação Calouste Gulbenkian, Guilherme d`Oliveira Martins, considerou “Passagens”, de Teolinda Gersão, “uma obra que foca temas de grande atualidade, com um número muito significativo de personagens, com uma economia de texto sóbria e ponderada, assumindo uma crítica social ligada à heterogeneidade das realidades familiares contemporâneas”.

Em ata, o júri enfatizou que Teolinda Gersão “trata o tema das passagens não apenas de cada ser humano para com os outros, mas também na relação entre a vida e a morte – numa atmosfera poética, que muitas vezes surpreende o leitor. O ideal humano e social de cada personagem, designadamente, dos cuidadores e dos doentes, está fortemente ancorado na capacidade de compreender as diversas facetas da vida”.

Esta é a segunda vez que Teolinda Gersão, de 76 anos, recebe o Prémio Fernando Namora. A primeira vez foi em 2001, com a obra “Os teclados”.

Quanto a “Fredo”, o júri realçou a natureza intrínseca de um romance “narrado na primeira pessoa, numa linguagem sóbria, assente num registo quase confessional” que “acompanha a descoberta que um jovem [Adolfo Maria] vai fazendo dos silêncios e da solidão que sempre acabou por marcar os horizontes de vida e, sobretudo, as suas mágoas e tristezas”.

Para os jurados, “Fredo”, já publicado pela Gradiva, editora que é parceira da Estoril Sol neste prémio, “é um romance de aprendizagem da experiência da relação com os outros”.

O Prémio Fernando Namora tem o valor de 15.000 euros e o Agustina Bessa-Luís, 10.000 euros.

SUBSCREVER

Subscreva a newsletter e receba semanalmente todas as noticias de forma confortável

packshot_site

APP DELAS

Aceda por telemóvel, smartphone ou tablet as notícias, informações, num ambiente atrativo e intuitivo, compatível com o seu equipamento.

Appstore Googleplay

Conversa Delas: igualdade salarial discutida na TS…