Johnny Depp quer processo de divórcio em segredo de justiça

Preocupado com a divulgação dos pormenores da vida privada e financeira que mantinha com a ex-companheira, Amber Heard, o ator norte-americano quer estabelecer um acordo que coloque o divórcio em segredo de justiça.

No documento apresentado em tribunal no dia 15 de julho, e ao qual a revista ‘Us Weekly’ teve acesso, é possível perceber que a “situação financeira” e os “documentos pessoais” são os principais dados que Johnny Depp quer manter fora do escrutínio público e mediático.

Segundo a mesma publicação, a atriz norte-americana manifestou-se indisponível para assinar qualquer tipo de acordo de confidencialidade. A este último pedido de Johnny Depp, juntam-se outros dois, apresentados a 27 de maio e a 20 de junho, e os quais a atriz também se recusou a assinar. Perante a resistência da sua ex-companheira, Depp avança agora em tribunal com um novo requerimento para proteger toda a informação privada que envolva a vida do agora ex-casal.

Ainda que queira manter o divórcio em segredo de justiça, o advogado da estrela de “Piratas das Caraíbas” garante que o ator está “disposto a apresentar [em tribunal] todos os documentos relevantes para os trâmites do processo”, escreve a ‘US Weekly’. E isso inclui informação sobre a “divisão do património” e os “apoios financeiros” que o ator prestará a Heard.

Amber Heard acusou Johnny Depp de violência física e psicológica. Esta é a foto que usou em tribunal para prová-lo. / Reuters
Amber Heard acusou Johnny Depp de violência física e psicológica. Esta é a foto que usou em tribunal para prová-lo. / Reuters

Recorde-se que Amber Heard apresentou o pedido de divórcio a Johnny Depp depois de quinze meses de casamento. O facto de ambos serem atores em Hollywood seria ingrediente suficiente para tornar este num dos casos mais escrutinados pelos media. No entanto, a polémica subiu de tom quando a atriz de 30 anos revelou o motivo da separação – “maus tratos físicos e psicológicos”, acusação que sustentou com uma fotografia em que surge com marcas de violência na cara.

Após a revelação, Amber Heard solicitou uma providência cautelar que, aprovada em tribunal, obriga Johnny Depp a manter uma distância de 100 metros da sua ex-companheira.

SUBSCREVER

Subscreva a newsletter e receba semanalmente todas as noticias de forma confortável

packshot_site

APP DELAS

Aceda por telemóvel, smartphone ou tablet as notícias, informações, num ambiente atrativo e intuitivo, compatível com o seu equipamento.

Appstore Googleplay

Mulher de Hugh Hefner retira implantes mamários. …