Khloé Kardashian revela que Kim “não está bem” depois de assalto em Paris

Kim Kardashian

Os membros do clã Kardashian têm permanecido em silêncio, tanto nos media como nas redes sociais, mais de uma semana depois de Kim ter sido assaltada no hotel onde se encontrava instalada em Paris. No programa de Ellen Degeneres, Khloé foi a primeira a falar publicamente sobre o episódio.

“Ela não está muito bem. O que lhe aconteceu foi muito traumatizante”, disse Khloé, acrescentando: “a nossa família é muito unida e vamos ultrapassar isto juntos. Agradecemos o vosso amor e apoio mas isto vai levar tempo. O que lhe aconteceu foi horrível”.

A irmã de Kim Kardashian explicou ainda que o assalto à mão armada de que a irmã foi alvo acabou por ser “uma chamada de atenção” para todo o clã, que agora pretende fazer “alguns ajustes” nas suas vidas. “Isto foi um acordar para a realidade para todos nós”. A irmã de Kim Kardashian disse ainda que o clã vai partilhar menos pormenores das suas vidas nas redes sociais. “Vamos resguardar-nos mais”, explicou.

De acordo com o site TMZ, foi encontrada uma das peças de joalharia roubadas no dia 2, uma cruz, cujo valor ronda os 30 mil euros. Kim Kardashian foi ameaçada com uma arma e amordaçada, tendo os cinco assaltantes levado 13 joias no valor de 9,7 milhões de euros.

SUBSCREVER

Subscreva a newsletter e receba semanalmente todas as noticias de forma confortável

packshot_site

APP DELAS

Aceda por telemóvel, smartphone ou tablet as notícias, informações, num ambiente atrativo e intuitivo, compatível com o seu equipamento.

Appstore Googleplay

Spice Girl Geri Halliwell espera segundo filho