Lily Allen vence batalha judicial contra o seu perseguidor

Lily Allen tem 31 anos

Entre 2008 e 2015, Alex Gray perseguiu constantemente a cantora Lily Allen, tendo sido agora condenado pelo tribunal londrino Harrow Crown Court a um internamento com período indeterminado, segundo o ‘The Guardian’.

Em outubro passado, Gray chegou a invadir a casa de Lily Allen, numa altura em que a estrela da pop britânica e os seus filhos estavam a dormir, admitindo depois à polícia que poderia ter atacado a cantora com uma faca. O fanático escocês foi, também, acusado de roubar Lily Allen, de 31 anos, que se viu obrigada a abandonar a propriedade.

De acordo com o ‘Daily Mirror’, Alex Gray não esboçou qualquer emoção ou remorso durante a audiência. Alegadamente, Gray sofre de esquizofrenia paranoica e de um transtorno delirante.

O stalker, de 31 anos, reclama ainda que foi ele que escreveu a canção ‘The Fear’, uma das mais populares de Lily Allen. Para além disso, Alex Gray enviou várias cartas e mensagens nas redes sociais à cantora, chegando a criar uma conta no Twitter chamada ‘lilyallenRIP’ (‘Descansa em paz, Lilly Allen’, em português).

SUBSCREVER

Subscreva a newsletter e receba semanalmente todas as noticias de forma confortável

packshot_site

APP DELAS

Aceda por telemóvel, smartphone ou tablet as notícias, informações, num ambiente atrativo e intuitivo, compatível com o seu equipamento.

Appstore Googleplay

Johnny Depp vai leiloar coleção de arte multimil…