Mais de metade dos bebés nascidos “fora do casamento”

Mais de metade dos bebés nascidos "fora do casamento"

Mais de metade dos bebés nascidos em Portugal no ano passado eram de pais que não estavam casados, segundo dados do INE, o que marcam uma mudança já que até 2015 a maioria dos nascimentos ocorreu dentro do casamento.

As Estatísticas Vitais do Instituto Nacional de Estatística (INE), hoje divulgadas, referem que, em 2015, a proporção de nascimentos “fora do casamento” aumentou para 50,7% (49,3% em 2014 e 41,3% em 2010).


Veja os artigos relacionados:
Nomes que não se podem dar aos bebés em Portugal
Os nomes mais escolhidos em 2015


Segundo o INE, este aumento tem sido “particularmente influenciado pelo aumento da proporção de nascimentos fora do casamento sem coabitação dos pais”.

Os dados apontam que dos 50,7% dos nascimentos ocorridos fora do casamento (de pais não casados), em 16,3% dos casos os pais não viviam juntos (15,8% em 2014 e 9,2% em 2010).

SUBSCREVER

Subscreva a newsletter e receba semanalmente todas as noticias de forma confortável

packshot_site

APP DELAS

Aceda por telemóvel, smartphone ou tablet as notícias, informações, num ambiente atrativo e intuitivo, compatível com o seu equipamento.

Appstore Googleplay

5 alimentos que baixam a testosterona