‘Massa Fresca’ alerta para violência entre namorados

Os atores que dão vida a Carminho e Catita na série juvenil

Violência no namoro. Um tema que continua, infelizmente, na ordem do dia, e que não passa despercebido à série juvenil da TVI ‘Massa Fresca’. Em frente das câmaras, são os personagens Catita e Carminho que ajudam a retratar o problema. Fora delas, os atores os interpretam, Bruno Páscoa e Daniela Melchior, fazem questão de levar o debate ainda mais longe.

“Se todos nós sabemos que isso é mau, por que é que há tanta gente vítima desse tipo de violência? Será que nós somos todos bué estúpidos e adoramos ser maltratados e viver constantemente com medo?”, começam por realçar, num vídeo publicado no Facebook da trama da TVI.

O que começa por ser uma história de amor, recheada de “gestos fofinhos”, rapidamente pode evoluir para uma relação tóxica, alertam os jovens atores. E enumeram, em seguida, cinco comportamentos que, regra geral, resultam em atos de violência entre namorados. “Teres que contar o que fizeste, onde foste, a que horas saíste e com quem estiveste”, frisa Daniela. “Isso não é partilhar, é controlar”, explica Bruno. “Conversas sobre o que vestes ou como te vestes; conversas sobre como lidas com os teus amigos ou com os teus pais; partilhar palavras passe do email e de contas de redes sociais; controlar telefonemas e o tempo que passas com outras pessoas” são os restantes pontos destacados. “Isso não é paixão, é doença”, conclui o Catita da série.

A dupla termina o vídeo dirigindo-se a todas as vítimas deste tipo de violência. “Se não acabaste até aqui, acaba, porque daqui para a frente só vai piorar. Pede ajuda a amigos e família. Porque só faz sentido namorar com uma pessoa que gosta de ti”, frisam.

SUBSCREVER

Subscreva a newsletter e receba semanalmente todas as noticias de forma confortável

packshot_site

APP DELAS

Aceda por telemóvel, smartphone ou tablet as notícias, informações, num ambiente atrativo e intuitivo, compatível com o seu equipamento.

Appstore Googleplay

Canal de TV proíbe decotes e minissaias