O que a Gucci nos ensina

Alessandro Michele estreou-se como diretor criativo da Gucci em 2015 e desde logo marcou um caminho bem diferente do que tinha sido desenhado para a marca até ao momento. No início foram muitas as dúvidas sobre as escolhas do designer para a casa italiana, mas quando as vendas dispararam rapidamente se percebeu que as suas escolhas estavam corretas.

Os primeiros grandes ensinamentos de Alessandro para o mundo da moda foram:

1- Mais é mais. O exagero e o excesso de detalhes vende. Porquê? É mais difícil de copiar uma peça com dez ideias do que uma peça com duas e porque se é para pagar um preço elevado que seja por roupa que parece tirada de uma fábula.

2- Não há materiais femininos e masculinos. Lantejoulas, estampados de flores e tecidos bordados, tanto podem ser usados para fazer vestido como umas calças, a diferença está no molde e não no tecido.

3- Se as mulheres podem vestir calças os homens podem vestir vestidos. A androginia tem sido uma assinatura cada vez mais marcante nos desfiles da Gucci. Na verdade já não vemos passar roupa de homem e de mulher, assistimos apenas a um desfilar de vestuário sem género.

4- A roupa é importante mas a história que ela conta é que vende. Claro que é importante a qualidade e o detalhe da roupa, e não há maior prova disso que as coleções da Gucci. Da mesma forma que é verdade que Alessandro Michele não cria nada de realmente novo há várias estações e continuamos a querer ver sempre mais, porque apesar de já sabermos o que esperar, ansiamos pela história que vai ser contada mais uma vez.

5- A moda não tem regras e as tendências são sobrevalorizadas. O desfile de outono-inverno de 2017/18 foi a prova desta grande lição. A Gucci fez desfilar uma série de referências culturais que influenciaram a moda durante a História, provando que continuam atuais e que na realidade estamos sempre a criar o mesmo, apenas o usamos de forma diferente.

6- A forma como as peças são conjugadas transforma-as completamente. O styling é uma peça fundamental dos desfiles da Gucci e se estivermos atentos são muitas as ideias que podemos levar para o dia-a-dia, veja quais na nossa galeria.

Estas seis lições são uma parte do segredo do sucesso da Gucci, que deixou de ser uma marca de estatuto, para se tornar numa casa de moda que nos faz sonhar e que retrata o mundo através da roupa. Não vivemos num mundo repleto de borboletas e cores vibrantes, mas vivemos no mundo onde todos se querem destacar e onde a individualidade e personalidade são mais importantes que nunca.


Veja também as lições de estilo que aprendemos na rua.


 

Percorra a galeria de imagens acima clicando sobre as setas.

SUBSCREVER

Subscreva a newsletter e receba semanalmente todas as noticias de forma confortável

packshot_site

APP DELAS

Aceda por telemóvel, smartphone ou tablet as notícias, informações, num ambiente atrativo e intuitivo, compatível com o seu equipamento.

Appstore Googleplay

A narrativa de Alessandro Michele