Segredo de beleza de Miranda Kerr inclui hambúrguer e batatas fritas

Australian model Miranda Kerr arrives at the Vanity Fair Oscar Party in Beverly Hills, California February 28, 2016.  REUTERS/Danny Moloshok - RTS8IPF

É uma das manequins mais badaladas do momento e um ícone de beleza para milhares de jovens em todo o mundo. Com 33 anos e mãe de um menino, Flynn, de cinco, fruto do seu casamento com o ator Orlando Bloom, Miranda Kerr revelou à revista ‘Gritty Pretty’ aquele que é o seu segredo para manter uma forma física invejável. E, pasme-se, incluiu ‘junk food’, uma vez que a topmodel australiana se perde por queijo.

O truque é simples. Miranda Kerr segue a dieta 80/20, o que, traduzido por miúdos, significa que o seu plano alimentar está dividido em duas proporções: 80% para alimentos saudáveis e 20% para a chamada comida de conforto.

“Tento ao máximo comer de forma saudável, ingiro comida orgânica 80% das vezes, mas também é importante não nos privarmos de outras coisas, caso contrário em vez de comermos um quadradinho de chocolate devoramos uma tablete inteira”, justificou a topmodel à ‘Gritty Pretty’.

miranda-kerr
A manequim australiana não se priva de comer aquilo que gosta

Hambúrgueres com batatas, tartes de maçã, panquecas e pipocas são algumas das extravagâncias alimentares que Miranda Kerr partilha com os seus seguidores na rede social Instagram.

Mas é preciso ter alguns cuidados. Teresa Cutter, nutricionista e autora do regime alimentar 80/20, advertiu que, para ser bem-sucedida, esta divisão deve ser feita semanal e não diariamente. Em declarações ao ‘site’ ‘Pop Sugar’, a personal trainer Yumi Lee também elogiou os benefícios desta dieta. “Não conseguimos [ter uma alimentação saudável] 100% das vezes, mas conseguimos ter 80%”.

Kerr, que em 2015 deixou de integrar o lote restrito de manequins da Victoria’s Secret, também alia o seu plano alimentar à prática de exercício físico. Neste caso, o segredo da australiana passa por se concentrar nas zonas do corpo que sabe que vão estar mais expostas. “Quando tenho um grande evento ou uma sessão fotográfica, tendo a treinar e a focar-me mais nas zonas que sei que vão estar visíveis”, revelou. “Na Gala Met, por exemplo, o meu umbigo ia estar à mostra, por isso nas semanas antes trabalhei mais a zona abdominal”, acrescentou.

SUBSCREVER

Subscreva a newsletter e receba semanalmente todas as noticias de forma confortável

packshot_site

APP DELAS

Aceda por telemóvel, smartphone ou tablet as notícias, informações, num ambiente atrativo e intuitivo, compatível com o seu equipamento.

Appstore Googleplay

A jovem londrina que criou uma dinastia africana