Qual a quantidade de água que deve beber na praia?

O calor mata. São as crianças, idosos e doentes crónicos que estão mais vulneráveis à desidratação, mas todos devem prevenir este problema. Na praia, onde a exposição às altas temperaturas é maior, a atenção tem de ser redobrada. O habitual litro e meio diário de água recomendado aos adultos deve ser reforçado nesta altura e sempre que praticar desporto.

“Deve ingerir-se mais água na praia, mas moderadamente, através de sumos naturais e fruta”, explica ao Delas.pt o dermatologista António Picoto. O ideal é que se beba em média mais meio litro do que o que costuma ingerir habitualmente.


Leia também o artigo: Onda de calor: seis dicas para tornar a casa mais fresca


Ao mergulhar no mar ou rio está também a combater a desidratação, porque o corpo se refresca e não precisa transpirar tanto para arrefecer. O dermatologista confirma: “Não nos hidratamos porque a pele resiste à penetração da água”.

Quais os sintomas de desidratação?
A sede e perturbações ao nível do sistema nervoso são alguns dos sinais de desidratação, que podem ser agravados por exposição solar excessiva que contribuirá para um estado de desidratação. Esteja atenta e, caso os sinta, combata-os através da ingestão de água ou alimentos ricos em água.

Veja, na galeria de imagens acima, as recomendações da Direção-Geral de Saúde para se proteger dos efeitos negativos do calor intenso que se vai fazer sentir durante os próximos dias.

Percorra a galeria de imagens acima clicando sobre as setas.

SUBSCREVER

Subscreva a newsletter e receba semanalmente todas as noticias de forma confortável

packshot_site

APP DELAS

Aceda por telemóvel, smartphone ou tablet as notícias, informações, num ambiente atrativo e intuitivo, compatível com o seu equipamento.

Appstore Googleplay

Aprenda a reconhecer os psicopatas que tem à sua …