Rihanna: a Marie Antoinette dos tempos modernos

Rihanna na capa da 'CR Fashion Book'

Rihanna e Marie Antoinette são uma só na nova edição da ‘CR Fashion Book’, publicação de moda da autoria de Carine Roitfeld, antiga editora da ‘Vogue Paris’. Nas fotografias, a cantora surge com o cabelo arranjado ao estilo da rainha francesa, com roupas ousadas, espartilhos, com uma mão a segurar num dos seios e a outra num charuto.

O que a tornou perfeita para este papel? “Eu queria mostrar que a Marie Antoinette não é apenas uma vilã a ser desprezada, ou uma musa a ser canalizada. Ela é o protótipo da fama contemporânea, do corpo, da beleza e da feminidade. Começamos a ver paralelismos entre ela e as celebridades do nosso tempo. Quem, das nossas estrelas pop, é seguida com tamanha obsessão e desejo? A Rihanna partilha com a rainha uma atitude irreverente, que inspira e fascina. Diz o que quer, fuma o que quer, veste o que quer, e isso faz dela um ícone de autenticidade numa era em que a fama é pré-fabricada”, explica a jornalista.

O objetivo desta produção foi fazer transparecer. Através da intérprete de ‘Work’, “o glamour, o perigo e a prisão da feminilidade e da sociedade”, mas também o “sentido de moda e a sexualidade intensa” da duquesa austríaca. E o resultado é estrondoso: “A Rihanna partilha com a Marie Antoinette um ar de realeza que eu, e o mundo, consideramos intoxicante”, frisa Carine Roitfeld.

Esta parece ser a cereja no topo do bolo para a cantora de 28 anos, que este ano já fez uma digressão pelo mundo, recebeu um prémio de carreira nos MTV Video Music Awards, entre outras conquistas.

SUBSCREVER

Subscreva a newsletter e receba semanalmente todas as noticias de forma confortável

packshot_site

APP DELAS

Aceda por telemóvel, smartphone ou tablet as notícias, informações, num ambiente atrativo e intuitivo, compatível com o seu equipamento.

Appstore Googleplay

Ellen DeGeneres ensina Britney Spears a ser uma ce…