Sarah Jessica Parker. “Não sou feminista”

Sarah Jessica Parker

Foi em entrevista a uma revista que Sarah Jessica Parker decidiu colocar os pontos nos ‘is’. A atriz norte-americana, que ficou mundialmente conhecida no papel de Carrie Bradshaw da série O Sexo e a Cidade, esclareceu que é avessa a rótulos e frisou: “Não sou feminista”.

A protagonista da série da HBO Divorce, que tem estreia marcada para este outono, fez questão de frisar que é defensora da igualdade de género. “Acredito nas mulheres e acredito na igualdade”, destacou a artista, de 51 anos. “Estou tão farta desta separação. Apenas quero que as pessoas sejam tratadas da mesma forma”, acrescentou ainda.

Ainda assim, Sarah Jessica Parker reconhece que “ainda existe muito a ser feito” no que toca à igualdade de género. Nomeadamente a questão salarial, que tem sido muito debatida em Hollywood através das vozes de atrizes como Gillian Anderson, Ema Watson ou Jennifer Lawrence, entre outras. “Gostava que as mulheres fossem remuneradas de acordo com o seu trabalho, e não segundo regras antiquadas”.

Nesse sentido, Parker defendeu as posições manifestadas pelas suas colegas que têm reivindicado a igualdade salarial.

 

SUBSCREVER

Subscreva a newsletter e receba semanalmente todas as noticias de forma confortável

packshot_site

APP DELAS

Aceda por telemóvel, smartphone ou tablet as notícias, informações, num ambiente atrativo e intuitivo, compatível com o seu equipamento.

Appstore Googleplay

Kate, William e Harry incentivam atletas britânic…