Seis razões saudáveis para comer muita canela

A maioria da canela que encontramos nos supermercados europeus não é canela pura, mas sim cássia, também conhecida por canela chinesa ou canela de saigon. É maioritariamente proveniente da Indonésia, China, Vietname, Japão e Coreia e, apesar de ter um aspeto bastante semelhante à canela pura, tem um sabor diferente e níveis muito altos de cumarina, um ácido normalmente presente em vegetais como o agrião e em frutas como o morango, cereja e damasco.

Os doentes obrigados a tomar anticoagulantes são, muitas vezes, aconselhados a limitar a sua ingestão de canela. Algo que se deve às propriedades da cássia e não da canela pura. A verdadeira especiaria, conhecida também por canela do ceilão, é mais cara, mais doce, mais leve, refinada e difícil de encontrar.


Leia também o artigo: Portugueses têm uma alimentação cada vez mais saudável


Apesar das diferenças, os dois tipos de canela são excelentes fontes de minerais ativadores de enzimas, essenciais para o desenvolvimento de ossos saudáveis bem como para outros processos fisiológicos, como o metabolismo. Também são boas fontes de fibras dietéticas, ferro e cálcio, reduzindo o risco de cancro do cólon, os níveis de colesterol e aliviando constipações e diarreia.

Veja, na galeria de imagens acima, seis razões para comer canela todos os dias.

Percorra a galeria de imagens acima clicando sobre as setas.

SUBSCREVER

Subscreva a newsletter e receba semanalmente todas as noticias de forma confortável

packshot_site

APP DELAS

Aceda por telemóvel, smartphone ou tablet as notícias, informações, num ambiente atrativo e intuitivo, compatível com o seu equipamento.

Appstore Googleplay

Hoje é dia de comer muita massa