Subir

Termina hoje o prazo para reclamar despesas de IRS

Tem até dia 31 para confirmar se as suas deduções no IRS estão corretas ( Jorge Amaral / Global Imagens )

As Finanças criaram uma nova página para os contribuintes poderem verificar as despesas de 2015, que darão direito a dedução no IRS. A informação apenas diz respeito a cada contribuinte individualmente. Num agregado familiar é necessário consultar a informação de cada um dos membros – filhos incluídos. Tem até 31 de março para confirmar (e reclamar) as deduções a que terá direito no IRS de 2015.

Como fazer?
Entre no site do Portal das Finanças (coloque o seu número de contribuinte e password). Do lado esquerdo do ecrã existe um “Menu” onde pode ler “Consultar Despesas para Deduções à coleta 2015”. Do lado direito, a descrição dos valores por categoria e a respetiva dedução. Por exemplo, se em “Saúde e Seguros de Saúde” registou um valor de 270,23 euros, isso corresponde a uma dedução de 40,53 euros. Tem ainda as categorias “Despesas gerais e familiares”, “Educação e Formação”, “Encargos com imóveis”, “Encargos com Lares” e “Exigência de Fatura”. Para perceber a que corresponde cada valor é clicar em “ver detalhes”. O valor da dedução foi calculado individualmente sem ter em conta a composição do agregado familiar e o regime de tributação.

Já verificou as deduções?
Saúde: 15% das despesas. Incluem-se aqui os valores gastos com seguros de saúde
Limite: 1000 euros

Educação: 30% das despesas
Limite: 800 euros

Habitações: 15% das rendas e dos juros de crédito à habitação contratados até 31 de Dezembro de 2011
Limite: 502 e 296 euros, respetivamente

Lares: 25% das despesas com lares da terceira idade e apoio domiciliário
Limite: 403,75 euros

Despesas gerais: 35% das despesas gerais familiares (água, luz, gás, supermercados, etc)
Limite: 250 euros por contribuinte ou 500 por casal

IVA: 15% em despesas de hotelaria, restauração, cabeleireiros ou reparações de automóveis
Limite: 250 euros por agregado familiar ou 125 euros se entregar em separado

Como reclamar despesas?
A Deco alertou para a dificuldade destas reclamações e o Fisco coloca na página inicial a forma de reclamar: no portal das deduções clicar em entregar, seguindo-se “contencioso administrativo” e depois “despesas para dedução à coleta”. Caso os valores das despesas estejam errados nas áreas da educação, saúde, habitação e lares pode ainda introduzir o valor global na declaração de IRS (anexo H).

A.P.S.