Twin Peaks está de volta. Saiba o que esperar da nova série

“Está a acontecer outra vez” promete-nos o trailer da nova etapa de Twin Peaks. O imaginário criado nos anos de 1990, por David Lynch e Mark Frost, volta, esta noite, aos ecrãs nacionais, uma semana depois da estreia nos Estados Unidos da América.

Pela mão da mesma dupla de autores e com grande parte do elenco original – mais algumas novas estrelas que se juntam – a série que, no passado, nos pôs a perguntar quem matou Laura Palmer, leva-nos novamente para um universo cheio de interrogações.

Ao vermos o primeiro episódio desta nova série – o realizador David Lynch recusa falar em terceira temporada, apesar de suceder às duas exibidas em 1990 e 1991 – deixamo-nos rapidamente envolver pela atmosfera sombria deste thriller policial carregado de elementos de sobrenatural, góticos e bizarros, muitas vezes cómicos, e cuja história se desenrola numa estrutura narrativa pouco convencional.

À complexidade reconhecida do trabalho de Lynch junta-se agora o facto de a ação não se concentrar apenas na pequena cidade de Twin Peaks, mas, pelo menos, por mais duas cidades, em estados distintos.

Neste primeiro episódio, com detalhes um pouco mais sangrentos do que nos lembrávamos, há um crime, cadáveres e agentes confusos com o que as pistas lhes sugerem.


Leia também: De Isabel II a um malfadado romance: seis curiosidades sobre ‘Twin Peaks’


Voltamos a encontrar o carismático agente do FBI Dale Cooper (Kyle MacLachlan), ainda que pouco reste do que recordamos dele, assim como os avisos e as meias frases enigmáticas e as personagens peculiares e cómicas, numa realidade quasi paralela, onde o ingénuo e o diabólico parecem andar de mãos dadas.


Na fotogaleria, em cima, veja ou reveja algumas das personagens e locais que marcam a série.


O novo Twin Peaks parece trazer novidades suficientes para agarrar novos fãs, mas não defrauda quem se apaixonou pela série há 25 anos.

Muito pouco se revela neste primeiro episódio, como de resto seria de esperar e de desejar, ou não estivéssemos a falar de David Lynch. Ele serve, sobretudo, para lançar dúvidas e novas perguntas. Se elas vão ser ou não respondidas, só o correr da série o dirá. Da mesma forma que só com o tempo seremos capazes de decidir o que será mais importante: obter respostas aos enigmas que vão sendo lançados ou aproveitar a viagem alucinante que nos é oferecida novamente? Suspeitamos, pelo que vimos do primeiro episódio, que, qualquer que seja o desfecho, dificilmente nos desiludiremos.

Twin Peaks estreia este domingo, às 22h, no canal TV Séries.

 

Imagem de destaque: Photo: Suzanne Tenner/SHOWTIME

Percorra a galeria de imagens acima clicando sobre as setas.

SUBSCREVER

Subscreva a newsletter e receba semanalmente todas as noticias de forma confortável

packshot_site

APP DELAS

Aceda por telemóvel, smartphone ou tablet as notícias, informações, num ambiente atrativo e intuitivo, compatível com o seu equipamento.

Appstore Googleplay

Vai casar em 2017? Este é o Top 20 da sua Lista d…