Subir

A igualdade de género faz bem às empresas. Não acredita? Veja o vídeo

Se ainda acha que há profissões de mulheres e profissões de homens está enganado. Se acha que as mulheres estão mais vocacionadas para tratar dos filhos e os homens menos tem mesmo de ver este documentário.

a carregar vídeo

O que é que a igualdade pode fazer pelas empresas? Em que é que assumir que se querem estruturas que não diferenciam mulheres e homens em todas as posições da hierarquia melhora o desempenho das empresas? O que é que estas preocupações das empresas melhoram a vida dos colaboradores?

O Projeto Igualdade de Género nas Empresas – Break Even, coordenado por Sara Falcão Casaca, do Instituto Superior de Economia e Gestão, da Universidade de Lisboa (ISEG), e desenvolvido em parceria com o Centro de Estudos para a Intervenção Social (CESIS), o Centro Interdisciplinar de Estudos de Género do Instituto Superior de Ciências Sociais e Políticas, da Universidade de Lisboa (CIEG) e o Centro de Investigação em Género (Centre for Gender Research) da Universidade de Oslo tentou responder a essas perguntas identificando e analisando empresas que têm a igualdade de género na agenda e na implementação de políticas internas de trabalho.

O documentário apresentado agora inclui testemunhos da equipa de investigação e de representantes das sete empresas que participaram no projeto: APL – Administração do Porto de Lisboa, S.A.; INCM – Imprensa Nacional-Casa da Moeda, S.A.; CTT – Correios de Portugal; Lisgráfica – Impressão e Artes Gráficas, S.A.; Grupo Dorisol; Grupo Pestana (Pestana Management – Serviços de Gestão, S.A.; e L’Oréal Portugal. É um dos instrumentos nucleares de disseminação dos objetivos, da metodologia seguida, das boas práticas das empresas no domínio da igualdade entre mulheres e homens e dos compromissos por elas assumidos para um futuro próximo. Saiba mais em www.igempresas.org

CM