Subir

Barack e Michelle Obama ternurentos em capa de revista

Michelle e Barack cúmplices na capa de 'Essence'

Faltam poucos meses para que a família Obama saia da Casa Branca, dando lugar a uma nova linha presidencial. Barack e Michelle, em forma de despedida, juntaram-se para protagonizar uma edição especial da revista ‘Essence’, posando de forma ternurenta para as câmaras e falando abertamente sobre o legado que deixam ao povo norte-americano e sobre as melhores memórias que guardam dos últimos oito anos.

It’s the end of an era (😪), and ESSENCE is sending the First Family off with a hug and a salute. @BarackObama and @MichelleObama exude their signature poise, grace and charm on the cover of our historic October issue, in which they open up about watching their girls grow up in the White House as well as the legacy they hope to leave behind. “Some of my fondest memories of the White House are just being with the girls on a summer night and walking the dogs around the South Lawn, talking and listening to them.” 💕 Believe us—you’re not going to want to miss out on this special collector’s issue! For a sneak peek, check out the link in bio, and be sure to pick up a copy when it hits newsstands Friday, September 16! (📷: @kwakualston) #ESSENCEObamas

A post shared by ESSENCE (@essence) on

“Algumas da minhas melhores lembranças da Casa Branca são de estar com as minhas filhas nas noites de verão e de passear os meus cães. De falar com elas, ouvi-las, e tentar que o Bo [cão de água português] se mexesse, porque às vezes fazia muito calor”, partilhou o presidente dos EUA.

Orgulhoso do seu trabalho como pai, é certo, mas também daquilo que fez enquanto exemplo máximo para os jovens do seu país. “Quando olhamos para a Malia, ;para a Sasha ;[filhas, de 18 e 15 anos, respetivamente] e para a sua geração, sabemos ;que são muito mais sofisticadas, muito mais cultas, mais abertas à diversidade do que a nossa geração alguma vez foi”, reconheceu ainda.

Quanto ao trabalho que deixa feito, Obama é perentório: “Posso dizer, inequivocamente, que a América está melhor agora do que quando entrei em funções. Em quase todas as medidas económicas, estamos melhores. Mas ainda assim, há muito trabalho a ser feito”, explicou.

Michelle, por sua vez, sabendo do impacto que a sua família criou junto da comunidade afro-americana, confessou desejar que a sua visibilidade permaneça intacta, para que possa continuar a inspirar jovens dessa comunidade. “No que toca a crianças afro-americanas, acho que significa muito para elas terem visto, durante grande parte das suas vidas, uma família na Casa Branca que se parecia com elas. Tem muito impacto”, reconheceu.

A edição especial de outubro da revista “Essence” chega esta sexta-feira às bancas nos EUA.

Carolina Morais