Atenção pais: o Gang dos Frescos está de volta

gang frescos

Se pensa que a loucura dos peluches em forma de alimentos parou e ficou esquecida no tempo, ora pois desengane-se. Isto é um aviso: o Gang dos Frescos está de volta e os seus filhos não vão querer mais sair do Lidl.

De há tempos uns anos para cá o hipermercado tem conseguido uma proeza que até então não se havia visto nunca: os filhos a quererem ir às compras mais do que os pais. Olhe que é verdade: quem tem filhos mais pequenos vai entender.

Mas não só os filhos, na verdade. Muitos são os adultos que colocam mais um cacho de bananas no carrinho só para conseguirem perfazer o total necessário para ganharem mais um boneco.

Mais do que apenas peluches colecionáveis (e uma grande campanha de marketing por detrás de tudo) estes colecionáveis são amigos dos seus filhos e da sua saúde. Porquê? Porque a campanha tem a chancela da Direção-Geral da Saúde e do Programa Nacional para a Promoção da Alimentação Saudável e decorre, claro está, para promover um estilo de vida saudável e equilibrado.

Lidl

E se em ocasiões anteriores os braços dos miúdos se enchiam de laranjas, pimentos, maçãs, cebolas ou cogumelos, este ano existem novas personagens e cada qual tem o seu superpoder. Falamos de peluches em formato de limões, ananases, melancias, couves-flor e mais.

O objetivo é sensibilizar tanto os pais como o filhos para a importância de uma alimentação saudável, especialmente tendo em conta que o número de crianças obesas aumentou, só nas últimas quatro décadas, dez vezes mais. Com o intuito de alertar para esta realidade, o Gang dos Frescos voltou. Mas estes não são alimentos ou peluches normais, não. São Super Chefs.

A campanha vai estar disponível até ao dia 18 de novembro (tendo começado dia 10) e funciona da seguinte forma: por cada 10 euros em compras, os consumidores recebem uma saqueta com um ponto e duas das 120 cartas disponíveis na coleção. Estas cartas têm não só receitas como também dicas saudáveis que foram elaboradas pelo Chef Hernâni Ermida. Para além das cartas e dos peluches, pode também adquirir por 1,99€ uma caixa especial para colocar as receitas e um chapéu de chef para os mais novos.

Alimentação saudável para crianças: que erros andamos a cometer?