Subir

Conheça a primeira mulher a mandar em Montreal e a fazer história

Valérie Plante é, esta segunda-feira, 6 de novembro, o centro de todas as atenções. Se há um ano era desconhecida dos cidadãos de Montreal, Canadá, é hoje a mulher, de 43 anos, que faz história por ter sido a primeira mulher eleita ao mais alto cargo daquela cidade canadiana.

Esta antropóloga e museóloga de formação fá-lo 375 anos depois de a cidade ter tido uma co-fundadora mulher, Jeanne Mance.

“Esta noite [domingo, 5 de novembro] escrevemos uma nova página na história da cidade. Após 375 anos, Montreal tem a sua primeira mulher presidente de câmara. E estou muito entusiasmada por poder escrever este novo capítulo da história convosco”, declarou em noite de vitória eleitoral.

Líder da formação política agora vencedora, a Project Montreal, Plante é, desde 2015, vice-presidente do conselho municipal. Ela era, ao mesmo tempo, a porta-voz daquela estrutura para as matérias de turismo, da cidade e das mulheres.

Na sua página de Facebook, esta política – eleita líder no congresso de 4 de dezembro de 2016 – revela que tem assento no conselho de administração do Instituto Broadbent, que se apresenta, no site, como uma entidade que procura “a promoção da democracia, igualdade, sustentabilidade e o treino de uma nova geração de lideranças”.

 

(Em atualização)

Imagem de destaque: Facebook/Valérie Plante