Subir

Verniz em pó já chegou a Portugal

Há uma nova técnica de manicure que está a ganhar cada vez mais adeptas em Portugal. Chama-se unhas de imersão. Esqueça as unhas de gel, o gelinho e até o tradicional verniz que usa em casa, porque a tendência agora é pintar a unhas mergulhando-as num pote de pó colorido.

Sem necessidade de recorrer ao catalisador com lâmpada UV e livre de odores e químicos agressivos, esta nova técnica apresenta-se como a ideal para unhas fracas e com tendência a quebrar.

De acordo com a SNS (Signature Nail Systems), a empresa responsável pela criação e comercialização deste verniz, o produto destaca-se ainda por conter elementos como cálcio, vitamina A, E, D3 e B5 que ajudam a estimular o crescimento forte e natural das unhas.

Uma secagem imediata, um aspeto natural e a promessa de durarem mais de três semanas são ainda outras características, anunciadas pela marca, que tem estado a conquistar fãs pelo mundo.

De acordo com a SNS o processo é bastante simples. Começa por limpar as unhas e colocar-lhe um primer, segue-se a aplicação do verniz de aderência (uma espécie de cola ao qual o pó vai aderir) e depois então mergulha-se a unha no pó de imersão neutro. Com um pincel retira-se o excesso do pó e volta-se a repetir o processo – verniz de aderência e imersão da unha, mas desta vez num pote com cor (a que desejar). Volta-se a repetir estes dois últimos passos e finaliza-se com um verniz de brilho que demora somente cerca de dois minutos a secar.

Esta técnica já chegou a Portugal e é possível experimentá-la através da marca pioneira, a SNS. Por isso, já não há desculpas para andar com as unhas por arranjar, pois este método garante deixá-la pronta em apenas 10 minutos.

 


Veja ainda o primeiro verniz cromado líquido.

Florbela Lourenço