Joalharia portuguesa quer chegar aos 150 milhões em cinco anos

Mercados externos valem só 10% das vendas da indústria, mas eram praticamente inexistentes há uma década. Nova geração de criadores já olha para o exterior e a associação AORP tem três milhões para ajudar

A joalharia portuguesa quer mais do que duplicar as suas exportações nos próximos cinco anos. O objetivo é chegar a 2022 com 150 milhões de euros vendidos nos mercados internacionais, contra os atuais 71 milhões.

Um valor que parece pequeno, num setor com um volume de negócios anual da ordem dos 700 milhões, mas a verdade é que, em 2010, as exportações de joias portuguesas valiam apenas 20 milhões de euros. Três milhões de euros é quanto a Associação de Ourivesaria e Relojoaria de Portugal (AORP) está a investir no projeto de internacionalização.

Leia esta matéria na íntegra em www.dn.pt

Imagem de destaque: AORP

Joalharia portuguesa um sector a dar a volta ao mundo

Portuguesa vence prémio Melhor Peça de Joalharia na Alemanha