Juiz acusado de violência doméstica

Linguagem intimidatória, obscena e ameaçadora é uma das acusações feitas por Alexandra Pinto Basto, ao ex-marido e juiz de Famalicão, Vítor Vale, de 50 anos, que está a ser julgado por violência doméstica.

Segundo o Jornal de Notícias, o magistrado alegou, na segunda-feira, 21 de maio, que as ofensas eram mútuas e que “a linguagem imprópria e indecorosa foi recíproca e aceite pelos dois”.

Em causa estão cerca de 12 mensagens e numa delas poderia ler-se: “O teu dever é estares na cama sempre que eu me deitar e que eu acordar. Não estás a cumprir as tuas obrigações.”

O processo está a decorrer no Tribunal da Relação de Guimarães e sob o juiz pende a acusação de crime de violência doméstica alegadamente cometido de forma psicológica contra a ex-companheira, numa relação terá terminado em junho de 2011.

Leia mais em jn.pt

Imagem de destaque: Shutterstock

Mulheres e homens juntos contra acórdão e “juiz machista”

Violência doméstica: Mais um acórdão polémico