Quer ganhar a montra final de ‘O Preço Certo’ sem sair de casa?

preço certo RTP
O Preço Certo [Fotografia: RTP}

A partir desta terça-feira, 9 de outubro, e até 12 de dezembro, o apresentador da RTP1 Fernando Mendes vai começar a dar prémios para casa, podendo os espectadores participar em direto e sem precisar de estar no estúdio.

“Semanalmente, teremos o Jogo de Casa – O Preço Certo, um passatempo destinado aos telespectadores e que irá permitir a participação em direto no programa”, refere a estação pública, em comunicado enviado às redações. Na lista de possibilidades está, então, a participação num jogo intermédio, mas também de uma “montra final”, lê-se na mesma nota.

O procedimento passa pela, explica a RTP, a inscrição do candidato durante o programa em direto e na véspera de O Jogo de Casa [um jogo intermédio ou uma montra de prémios] ter lugar. “A seleção do participante será feita através da resposta a uma questão colocada pela produção do programa. O objetivo será responder correta e ser o mais rapidamente possível”.

Uma vez cumprido este passo, o comunicado afirma que o “apurado é contactado pela produção, de forma a estar preparado para entrar em direto, desde a sua área de residência, no dia seguinte, quer através de telefone ou vídeo”.

Duas montras, regras iguais, locais diferentes

“No caso de uma montra de prémios, o participante fará a sua aposta no final do programa, tal como o concorrente que estará em estúdio, sendo que nesse dia estarão duas montras em jogo, uma para o participante que joga desde casa e outra para quem está a jogar em estúdio”, afirma o comunicado.

No caso de a disputa ter lugar num jogo intermédio, podendo ser qualquer um da emissão do dia, as regras serão as mesmas.

Até ao momento não foi possível apurar quer junto da RTP, quer da produtora se as chamadas para inscrição do concurso de fim de tarde conduzido por Fernando Mendes, com uma média de 302 mil e 500 mulheres e 279 mil e 800 homens de auditório, são ou não de valor acrescentado.

Imagem de destaque: RTP

Soraia Chaves, Victoria Guerra e Maria João Bastos juntas na RTP