Três erros que não deve cometer quando faz uma sopa

iStock-494154858
[Fotografia: iStock]

Ao fazer uma sopa, por norma, todos estão habituados a aproveitar a ocasião para colocarem e misturarem tudo dentro da mesma panela. Mas não deve ser assim tão linear. Apesar de ser uma opção saudável, tal deixa de o ser, se cometer alguns erros.

O Delas.pt esteve à conversa com a nutricionista Natália Cavaleiro Costa, que explicou quais são os três erros mais comuns que são cometidos quando se prepara uma sopa.

Fazer sopas demasiado alaranjadas: Ao juntar, por exemplo, abóbora com cenoura, tal faz com que esteja a ocupar espaço para outros ingredientes. A nutricionista Natália Cavaleiro Costa diz que se deve “privilegiar um destes legumes numa perspetiva de fazer uma sopa mais ligeira”. Ainda que a mistura de dois legumes não seja proibida, fazer isto é “estar a tirar a disponibilidade a outros legumes mais importantes”, explicou. Como alternativa, a especialista sugere que um dos legumes seja substituído por uma courgette, chuchu, alho francês ou nabo de forma a fazer uma sopa mais variada. [Fotografia: iStock]

Colocar demasiada batata na sopa: No que toca à quantidade de batata que se coloca na sopa, Natália Cavaleiro Costa explica que muitas pessoas “fazem ‘purés de sopa’ com demasiada batata”. Este alimento deve ser usado em pequenas quantidades. “As pessoas podem substituir a batata por batata-doce, courgette ou chuchu se quiserem engrossar mais a sopa”, referiu. [Fotografia: iStock]

Colocar o azeite no início e deixá-lo ferver: Este é um dos erros mais comuns que se comentem quando está a fazer uma sopa. Natália Cavaleiro Costa afirma que “o azeite deve ser posto no final em cru, tal como os pediatras ensinam às mães a fazer as sopas para as crianças”. Apesar de o azeite ser uma gordura polinsaturada – ou seja ser uma gordura que aguenta mais tempo a temperatura -, a especialista diz que “o aquecimento, a mais de cem graus, durante 20 a 30 minutos, vai acabar sempre por transformar essa gordura”. Desta forma, o azeite deve ser sempre colocado em cru no final e em pequenas quantidades. “As pessoas acham que o azeite é uma gordura muito boa e excelente e nós sabemos que sim, mas tem de ser usada em moderação porque não deixa de ser uma gordura. Portanto, a nível calórico, é igual a um óleo ou uma manteiga”, rematou. [Fotografia: iStock]