Subir

Vocalista dos UHF conta como foi viver perseguido por uma stalker

Em 2003, António Manuel Ribeiro, o conhecido vocalista da banda portuguesa UHF, começou a ser perseguido por uma fã. Uma mulher que assinava as mensagens como Cristina 82, sobre quem o cantor diz nunca nada ter sabido e que o começou a atormentar, na sua vida diária.

Na altura, pouco se falava do termo stalking – termo em inglês que designa uma forma de violência em que o alguém invade repetidamente a esfera de privacidade do outro contra a sua vontade. A perseguição durou sete anos e chegou aos tribunais, mas o seu desfecho só aconteceria em 2012. O caso de António Manuel Ribeiro foi o primeiro do género a ser julgado, em Portugal, e um dos mais conhecidos, por envolver uma figura pública.

Agora, o cantor conta toda a história no livro ‘És Meu, Disse Ela’, editado pela Guerra & Paz Editores e apresentado este sábado, 6 de janeiro, na Fnac do Colombo, em Lisboa, às 17h.

Imagem de destaque: Página Oficial do Facebook de António Manuel Ribeiro