Novo surto de sarampo um ano depois

Ainda não passou um mês sobre os primeiros apelos da Direção-Geral da Saúde (DGS) no sentido da vacinação contra a doença e já surgiram sete casos confirmados de sarampo e 15 situações em que ainda é aguardado o diagnóstico, no norte do país, em particular no Hospital de Santo António, no Porto.

Isto depois de, no ano passado, o território nacional – e um pouco por toda a Europa – ter sido assolado pelo surto da doença, a DGS confirmou, esta quarta-feira, 14 de março, mais dois casos da doença.

A Diretora-geral da Saúde, Maria da Graça Gregório de Freitas [Fotografia: Filipa Bernardo/ Global Imagens]
De acordo com a entidade liderada por Graça Freitas, há ainda mais doentes com sinais e sintomas, mas que ainda estão em investigação, sendo aguardados os resultados laboratoriais.

Segundo avança o Diário de Notícias citando o recente balanço da Organização Mundial da Saúde (OMS), a Europa registou, em 50 nações, 20 mil casos de sarampo num ano, 35 deles mortais. Também segundo dados apresentados no mês passado, o Centro Europeu de Controlo de doenças indicava que o número de casos tinha triplicado em 2016.

Imagem de destaque: Shutterstock