Subir

Margarida Vila-Nova. A voz da “guerra no feminino”

Margarida Vila-Nova protagoniza 'Cartas da Guerra'

Margarida Vila-Nova empresta a sua voz para narrar o novo filme ‘Cartas da Guerra’, cuja antestreia teve lugar esta quarta-feira à noite, no Cinema São Jorge, em Lisboa. Realizado pelo marido da atriz, Ivo. M. Ferreira, esta que é a única produção portuguesa nomeada para os Prémios Europeus de Cinema retrata o período da Guerra Colonial, durante o qual António Lobo Antunes, destacado como médico do exército português em Angola, enviou várias cartas apaixonadas à sua mulher, Maria José, que ficou sozinha e grávida em Lisboa.

“O que mais me fascinou neste filme foi o papel da mulher na guerra. Porque esta não foi uma guerra só de homens, foi de mulheres também. Mulheres que ficaram em Portugal, que viram os seus maridos partir – muitos não voltaram – e que aqui fizeram a sua luta, sozinhas e em silêncio. O que mais me interessou foi o facto de o filme mostrar a guerra no feminino”, explicou Margarida Vila-Nova, que divide o protagonismo com Miguel Nunes.

“Uma das razões de as cartas serem lidas por mim é que não é apenas a Maria José que está por detrás delas. Muitos outros portugueses e portuguesas viveram este difícil período da história”, relembra a atriz de 33 anos.

O grande desafio, para Vila-Nova, foi ler cada carta de forma diferente, e com a intenção certa. “O meu papel foi muito técnico, na medida em que cada carta exigiu uma força especial. Coube-me a mim torná-las únicas e irrepetíveis”, frisou.

Ricardo Pereira, que é colega de Margarida nesta produção, não hesita em afirmar que este “ficará para sempre guardado como um dos grandes filmes feitos em Portugal”. E atribui o mérito à atriz e ao seu marido. “A voz da Margarida narra este filme de forma extraordinária e o Ivo realiza-o de forma brilhante. Fiquei muito emocionado com o resultado final”, confessou.

‘Cartas da Guerra’ chega às salas de cinema a 1 de setembro. Quanto a Margarida Vila-Nova, vai começar a gravar um novo filme – ‘Hotel Império’ – ao lado de Ivo Ferreira no final deste ano, em Macau, e planeia, em junho de 2017, regressar a Portugal para uma nova novela da SIC.

Carolina Morais / Fotografia: Palavras Ditas