O segredo de ser magra está na flora… intestinal

Esqueça as dietas. É a composição da flora intestinal que determina o peso mais ou menos adequado de cada indivíduo. A descoberta, publicada na revista norte-americana Science, resulta de um estudo do Centro da Ciência do Genoma e Sistemas Biológicos da Faculdade de Medicina da Universidade de Washington e comprova que os tipos de bactérias que existem nos intestinos influenciam a acumulação de gordura muito mais do que qualquer outro fator como, por exemplo, a alimentação.

Os investigadores injetaram em dois grupos de ratos com a mesma origem e com a mesma dieta, bactérias provenientes da flora intestinal de pessoas obesas e provenientes da flora intestinal de pessoas magras. Em pouco tempo, os ratos que receberam as bactérias dos obesos começaram a engordar, o que significa que o metabolismo foi alterado, enquanto os outros animais mantiveram o peso.


Leia também as 3 novas formas de ficar super fit


Esta descoberta pode ser um novo ponto de partida para o tratamento da obesidade humana, através da transferência de flora intestinal de indivíduos saudáveis para os que têm excesso de peso, ou simplesmente, de terapias e dietas personalizadas que promovam o desenvolvimento das bactérias dos magros em organismos gordos.

SUBSCREVER

Subscreva a newsletter e receba semanalmente todas as noticias de forma confortável

packshot_site

APP DELAS

Aceda por telemóvel, smartphone ou tablet as notícias, informações, num ambiente atrativo e intuitivo, compatível com o seu equipamento.

Appstore Googleplay

9 situações que nos fazem comer demais