António Costa é a figura mais mediática de 2016

António Costa foi a personalidade mais mencionada nos órgãos de comunicação social portugueses em 2016, mostra um estudo elaborado pela empresa de estudos de mercado Cision. Com quase 125 mil referências ao seu nome, o primeiro-ministro é a primeira pessoa que surge no ranking dominado por política e futebol, onde ocupa, no geral, o quinto posto.

O Governo de Portugal e os chamados “três grandes clubes”, o Benfica, o Sporting e o FC Porto, ocupam, respetivamente, as primeiras quatro posições, sendo, assim, as entidades mais mediáticas de 2016, num estudo que teve como objeto de análise mais de dois mil órgãos de comunicação social (por entre televisão, rádio, digital e imprensa) e mais de cinco milhões de notícias analisadas.

Em valores absolutos, o termo Governo soma mais de 200 mil referências, ocupando o primeiro lugar do ranking. O Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, posiciona-se em sexto lugar, depois de António Costa, com pouco mais de 111 mil menções.

Em relação ao desporto, os ‘três grandes’ somam, em conjunto, quase meio milhão de referências nos media, ultrapassando assim o trio Governo, primeiro-ministro e Presidente da República. O clube Sport Lisboa e Benfica viu o seu nome ser notícia por 182 mil vezes. Os rivais Sporting Clube de Portugal, com 164 mil, e Futebol Clube do Porto, com mais de 146 mil referências, seguiram o clube da Luz.

O top 10 é fechado com o termo Assembleia da República, tendo sido destacado quase 71 mil vezes, e contempla ainda o Partido Social Democrata, em oitavo lugar, seguido da Guarda Nacional Republicana, com 82 mil menções. O Partido Socialista encontra-se no nono lugar, tendo sido referido 78 mil vezes.

O ranking total, de 20 posições, termina com o internacional português Cristiano Ronaldo a ser notícia em Portugal por 47 mil vezes. Em ano de Europeu de futebol, a vitória na competição valeu à Seleção Portuguesa de Futebol mais de 65 mil notícias, o que equivale à décima terceira posição da lista. O tema da Caixa Geral de Depósitos fica-se pelo penúltimo lugar do top 20 dos mais falados em 2016, a ultrapassar as 48 mil referências.

Pedro Passos Coelho, os partidos BE, PCP e CDS/PP, a Comissão Europeia, o Ministério das Finanças e a Policia de Segurança Pública são os restantes temas que mais atenções reuniram durante o período de 1 de janeiro e 15 de dezembro de 2016.

Veja o top 20 das entidades mais mediáticas deste ano:
1. Governo
2. Sport Lisboa e Benfica
3. Sporting Clube de Portugal
4. Futebol Clube do Porto
5. Primeiro-ministro
6. Presidente da República
7. Partido Social Democrata
8. Guarda Nacional Republicana
9. Partido Socialista
10. Assembleia da República
11. Ministério das Finanças
12. Bloco de Esquerda
13. Seleção Portuguesa de Futebol
14. Comissão Europeia
15. Polícia de Segurança Pública
16. Partido Comunista
17. CDS-PP
18. Pedro Passos Coelho
19. Caixa Geral de Depósitos
20. Cristiano Ronaldo

SUBSCREVER

Subscreva a newsletter e receba semanalmente todas as noticias de forma confortável

packshot_site

APP DELAS

Aceda por telemóvel, smartphone ou tablet as notícias, informações, num ambiente atrativo e intuitivo, compatível com o seu equipamento.

Appstore Googleplay

Chrissy Teigen surpreende fã ao oferecer-lhe um v…