Francisca Pereira e Cantê lançam linha de lingerie para o verão e já pensam na de inverno

Francisca Pinto Ribeiro Pereira, de 33 anos, estudou Moda em Londres e chegou a trabalhar com o pai numa empresa de leilões em Portugal. Atualmente, vive no Brasil, com o ator português Ricardo Pereira, com quem casou em 2010. O bichinho pela moda sempre esteve presente e, por isso mesmo, Francisca Pereira acaba de lançar, em parceria com uma marca 100% portuguesa, uma coleção de lingerie para este verão. My Intimate é a estreia para a designer e para a marca Cantê, fundada em 2011 por Rita e Mariana, que até agora só se havia aventurado pelo mundo dos biquínis e dos fatos de banho. O Delas.pt foi descobrir os segredos desta coleção e também alguns de Francisca Pereira.

a carregar vídeo

A Francisca alguma vez pensou vir a criar uma linha de lingerie?

Eu estive a estudar em Londres, moda e claro que fiquei logo com esse desejo. Entretanto vim para Portugal, trabalhei na empresa de leilões com o meu pai e quando fui para o Brasil acabei por me envolver em vários projetos com várias designers de lingerie, fui estudando e entendendo mais sobre este meio. E assim se foi desenvolvendo até me encontrar com elas [as fundadoras da Cantê] e todo este sonho começou. Nunca falei muito sobre isso, porque era uma coisa mais minha, não falava sobre o assunto, mas sempre o quis ter.

Precisamente por ser um lado desconhecido da Francisca a maior parte das pessoas conhece-a apenas como a mulher do ator Ricardo Pereira. Isso é algo que a incomoda?

Não, claro que não. Que orgulho o meu e que sorte a minha. O Ricardo, não é segredo nenhum, é tudo para mim. É uma pessoa que desde o primeiro dia me ajudou, incentivou e ainda hoje o dia inteiro. Está sempre ao meu lado, pode não estar aqui presente de momento, porque tem de estar a trabalhar e está com os nossos filhos que estão nas aulas, mas é se calhar o grande pilar que me ajuda a seguir em frente e que está sempre ao meu lado. Portanto, rótulos ou não, mulher dele ou não, eu tenho o maior dos orgulhos e a maior das sortes.

E a família vai aumentar, com a Francisca prestes a ser mãe pela terceira vez. Esta é uma lingerie que também as grávidas podem usar?

Claro que sim! Obviamente. Adapta-se a qualquer mulher e a qualquer idade. Dá para toda a gente.

Na perspetiva da Francisca qual é a importância da lingerie para as mulheres?

Para mim uma mulher, às vezes mais tímida, não quer dizer que não seja uma pessoa que não ligue à lingerie ou que não seja mais extrovertida na lingerie. Não quer dizer que não lhe dê uma segurança diferente. Assim como uma mulher mais extrovertida se calhar gosta de coisas mais simples. Eu acho que a peça de lingerie é uma coisa que, pelo menos a mim e a muitas mulheres com quem me fui cruzando ao longo dos tempos, nos faz sentir às vezes até um meio poderoso. Às vezes até mais que uma roupa, um vestido, porque é o que nos está a tocar na pele todos os dias, e então acho que tem essa magia. Por isso, tentamos agora explorar esse mundo e dar às portuguesas uma coisa diferente.

a carregar vídeo

My Intimate é a primeira coleção de lingerie da Cantê, em parceria com Francisca Pereira. Composta somente por conjuntos de cueca e soutien, com materiais e produção 100% portugueses, chegou às lojas no dia 8 de junho e já é possível comprá-la online de qualquer parte do mundo. Em conversa com as criadoras desta linha, descobrimos ainda que a parceria é para se manter.

Como é que surgiu esta parceria entre a Cantê e a Francisca?

Rita: Surgiu de uma junção de sonhos. O sonho da Mariana e meu de ter uma linha de lingerie e depois o sonho da Chica [Francisca].

Francisca: Exatamente. E um dia, num almoço, elas desafiaram-me para um novo projeto, o de criar uma marca portuguesa, para as portuguesas. Claro que não vai ser só, porque acho que o mundo inteiro vai ficar super curioso com a nossa My Intimate.

E em que é que se inspiraram para criar esta coleção de lingerie?

Mariana: nós tentámos seguir a nossa linha de verão, que já tínhamos uma inspiração que era a Grécia. Apostamos muito nos tons pastéis e continuámos com a nossa linha muito feminina nos pormenores, nas coisas diferentes. Essencialmente usámos os mesmos estampados que usámos na nossa coleção de biquínis e fatos de banho, os florais.

E quais foram os materiais usados?

Mariana, Francisca e Rita: Sobretudo rendas e algodão, tudo 100% português e com produção também em Portugal, tal como a Cantê já fazia. É tudo Made In Portugal.

E esta é uma coleção especificamente para o verão? Podendo as portuguesas esperar por uma nova coleção de inverno?

Mariana: Nós já temos pensada e alinhava uma coleção para o inverno, por isso esta coleção é mesmo de verão. As cores são de verão, é uma lingerie que é suposto poder usar um bocadinho à mostra, que é para a pessoa também poder usar aqueles tops mais abertos.

Francisca: Embora a lingerie seja intemporal. Daí que haja modelos que nós desenhámos que possam ser usados em qualquer altura do ano, mas esta primeira coleção é inspirada neste verão.

Como é que descreveriam a My Intimate?

Mariana: Eu acho que a pinta. Muita pinta. E um bocadinho de nós as três. Por isso é que depois saem coisas muito diferentes, porque nós somos três pessoas diferentes e gostamos de usar peças diferentes.

Francisca: É muito estilosa, romântica ao mesmo tempo. Sensual. Nós tentamos ir buscar um bocadinho de tudo.

E como é que foi trabalhar com a Francisca a viver no Brasil?

Rita: Nem se sente a distância. Apesar da Chica estar no Brasil, nós nem sentimos. Falamos mais com a Chica que está no Brasil do que com muitas pessoas que estão a dois passos de nós. Nós acordamos a falar umas com as outras, adormecemos a falar umas com as outras, mesmo com a diferença horária.

Mariana: A Francisca mesmo estando lá fora acaba por nos enviar e nós a ela e acabamos por trabalhar muito através do Face Time, que tem imensa graça. Mas funcionou lindamente e cruzámos as coisas. Nós desenhámos cá, ela desenhou lá e fomos falando: “olha gosto mais assim, mais assado” e a coisa foi avançando.

Francisca: Nós costumamos brincar e dizer que foi desenhada a seis mãos e a três cabeças. Estamos sempre as três a conversar constantemente, a ver coisas que gostamos e inspirações que temos, aquilo que sonhamos. Trocamos ideias umas com as outras e vamos pondo em papel aquilo que pensamos. Mais aqui, mais ali, é uma coisa que é criada a três.

Onde é que as mulheres podem encontrar a My Intimate?

Francisca: Queremos dinamizar, para já, em Portugal, mas através da loja online é possível comprar de qualquer parte do mundo.

 


Veja também a lingerie que vai aumentar a sua autoestima e aquecer a sua relação.

Veja ainda como Francisca Pereira ajuda grávidas a manter a boa forma física.

Percorra a galeria de imagens acima clicando sobre as setas.

SUBSCREVER

Subscreva a newsletter e receba semanalmente todas as noticias de forma confortável

packshot_site

APP DELAS

Aceda por telemóvel, smartphone ou tablet as notícias, informações, num ambiente atrativo e intuitivo, compatível com o seu equipamento.

Appstore Googleplay

Nos dias quentes ande de pernas ao léu