Lena Dunham revolta-se após revista destacar a sua “dieta”

A atriz Lena Dunham é conhecida pelos excessos: de peso, de atitude, e não tem problema nenhum com isso. Nos EUA é já um dos rostos mais ativos na luta contra os estereótipos de beleza e há três dias revoltou-se no Instagram depois de a revista Us Weekly ter usado uma imagem sua, em que se nota que emagreceu, para destacar um artigo sobre dicas de dietas para perder peso.

Na rede social, a atriz da série Girls publicou uma fotografia da capa da revista. Na legenda, num tom bastante irónico, colocou uma lista de 20 problemas pessoais que estiveram na origem da perda de peso (na galeria de imagens acima pode ver quais são os problemas referidos pela atriz, entre eles estão a ansiedade, náuseas e a eleição de Donald Trump para Presidente dos EUA), sublinhando que não segue qualquer regime alimentar para emagrecer e é contra a difusão desse tipo de ideias.

“Não tenho dicas, não dou dicas, não quero estar nesta capa porque ela é absolutamente oposta a tudo contra o que lutei durante a minha carreira inteira. E para mim não é um elogio porque [perder peso] não é uma conquista. Obrigada”, escreveu Lena Dunham no vigésimo “motivo” que enumerou no Instagram para o facto de ter emagrecido.

Os internautas não demoraram a reagir à publicação, que rapidamente reuniu milhares de comentários de apoio. “Obrigada pelas suas palavras”, “isto é incrível” e “muitas mulheres são sortudas por te terem como exemplo” foram algumas das frases deixadas na foto da norte-americana.

20 slimdown diet tips! 1. anxiety disorder * 2. resultant constant nausea 3. an election that reveals the true depths of American misogyny 4. constant sweaty dreams of dystopian future 5. abdominal adhesions pinning ovary below uterus * 6. baseless but still harrowing threats to physical safety online and through smail mail 7. watching institutions you love from Planned Parenthood to PBS be threatened by cartoon mustache-twirling villains 8. finally realizing superheroes aren't real (specifically the X-Factor, really thought they'd handle this) 9. marching your ass off 10. a quiet rage that replaces need for food with need for revenge 11. sleeping 19 hours a day 12. realizing that even the liberal media wants dem clicks no matter whut 13. worrying ceaselessly about the health and safety of women you know and women you don't 14. realizing who ya real friends are 15. having to switch from Uber to Lyft (lots of calories burned trying to understand a new app, then even more trying to understand if the conflict was resolved) 16. bladder spasms, urinary frequency and urgency * 17. having your phone number leaked and violent images texted to your phone by randos under names like VERYFATCHUCKYBOY@creepz.com 18. keeping your back arched against the wind 19. um, who the fuck cares? 20. I have no tips I give no tips I don't want to be on this cover cuz it's diametrically opposed to everything I've fought my whole career for and it's not a compliment to me because it's not an achievement thanx * Star indicates a pre-existing condition

Uma publicação partilhada por Lena Dunham (@lenadunham) a

Uma voz feminista

Além de ser um exemplo de luta contra os estereótipos de beleza, Lena Dunham tem travado várias batalhas pelos direitos das mulheres. Recentemente usou a sua imagem, enquanto figura pública, para apoiar a campanha presidencial de Hillary Clinton, participou na Marcha das Mulheres em Washington, nos EUA, e costuma falar abertamente sobre a endometriose, uma doença que afeta cerca de 10% das mulheres em idade fértil e, em 20% dos casos, está associada à infertilidade – traduz-se num processo clínico em que as células que constituem o endométrio se encontram fora da localização normal, passando a estar, por exemplo, nos ovários, bexiga ou apêndice.

A atriz já revelou que tem esta doença e tenta controlá-la através de uma alimentação saudável e exercício físico. “A minha perda de peso não é um triunfo e também não é um sinal de que finalmente dei voz aos trolls. O meu corpo pertence-me em todas as fases e em tudo o que faço com ele, não vou entregar o meu cartão feminista a ninguém”, afirmou a atriz no passado, segundo a Vogue norte-americana.

Outras polémicas

No ano passado, Lena Dunham fez uma sessão fotográfica para a revista espanhola Tentaciones e acusou a publicação de ter usado demasiado Photoshop nas imagens com o objetivo de fazê-la parecer mais magra.

“Esta não sou eu. Caramba, já não reconheço o meu próprio corpo”, escreveu na altura a norte-americana no Instagram. O caso tornou-se tão polémico que em agosto de 2016 a revista decidiu publicar as fotografias originais, sem qualquer retoque.

Mais tarde, a atriz da série Girls participou num projeto da marca neozelandesa ‘Lonely’ que tinha como objetivo fotografar várias mulheres e divulgar as imagens tal como elas são, deixando as edições de lado e quebrando o estereótipo das tradicionais campanhas de lingerie.

Percorra a galeria de imagens acima clicando sobre as setas.

SUBSCREVER

Subscreva a newsletter e receba semanalmente todas as noticias de forma confortável

packshot_site

APP DELAS

Aceda por telemóvel, smartphone ou tablet as notícias, informações, num ambiente atrativo e intuitivo, compatível com o seu equipamento.

Appstore Googleplay

“Durante muito tempo, as mães preferiram os…