Subir

Pamela Anderson: “Estou do lado do povo catalão”

Pamela Anderson

Pamela Anderson apoia a independência da Catalunha. A atriz e modelo canadense recorreu ao site da sua fundação, The Pamela Anderson Foundation, para manifestar o seu apoio a Carles Puigdemont, o presidente do governo regional da Catalunha.

links_SalmãoEstou do lado do povo catalão e do seu direito de determinar o seu próprio futuro e governar os seus assuntos”, pode ler-se no final do texto que Pamela Anderson deixou no site da sua fundação e partilhou no Twitter.

No início da longa publicação, a atriz naturalizada norte-americana revela não estar surpreendida com o que tem acontecido na Catalunha, mas acredita que a situação vai acalmar.

“Não é surpreendente o que aconteceu e espero que a situação acalme. Os catalães sentiram-se suprimidos durante muito tempo e tinham de fazer algo. O PP é um tipo de partido que funciona com base na provocação e já há uma década que mostra o dedo aos catalães (e anteriormente aos bascos)”, escreveu a atriz.

Na opinião da modelo, a Catalunha contribuiu para o tesouro nacional e nunca foi recompensada. “Obviamente, e com razão, os catalães sentiram que não havia nenhuma justiça. Eles têm contribuído para o tesouro nacional mas não estão a ser recompensados. Além disso, a ideia de que a Espanha é um país uniforme é um mito“, explica Pamela Anderson.

Por fim, a canadense assume que não é muito clara a percentagem de população que quer realmente a Catalunha independente, mas refere que talvez não seja uma realidade descabida.

“Não é muito claro quantas pessoas ou qual é a percentagem de população catalã que realmente quer a independência (diz-se que é quase metade). Mas devia, pelo menos, ser dada aos catalães a opção de tratamento justo e oportunidade para decidir corretamente sobre a sua governação“, acrescentou a modelo.