Vá tratar do cabelo e da investigação do cancro da mama

shutterstock_233386039

E se ao decidir cortar ou colorar o cabelo, estiver ao mesmo tempo a contribuir para a investigação no âmbito do cancro da mama? Esta é a filosofia da V edição do Hair Fashion Weeks (HFW), que começou a 13 de março e vai estender-se até 26.

Na verdade, esta iniciativa que gira em torno do mote Super-Mulheres, quer alertar para as histórias de luta de doentes de cancro da mama que travam esta batalha. Por isso, a rede de cabeleireiros internacional Jean Louis David juntou-se à associação Laço e ao Fundo iMM-Laço para recolher fundos para a investigação desta doença.

“100% das verbas dos Hair Fashion Weeks vão para o Fundo iMM – Laço que, em 2017, está a apoiar quatro projetos de investigação na área do cancro da mama”, começa por explicar Lynne Archibald ao Delas.pt.

A presidente Laço e iMM Laço especifica, depois, as linhas de investigação que vão beneficiar destes fundos. “Dois [dos projetos] analisam o sistema imunitário e como este pode ter um papel fundamental na inibição do crescimento do tumor, na formação de metásteses, ou até como este pode ser uma preciosa ajuda na regressão ou eliminação dos tumores. Também estão a ser realizadas duas investigações no âmbito da genética dos tumores, uma que procura perceber qual o mecanismo que desencadeia metásteses ósseas. A outra foca na análise genética dos tumores para prever a resposta à quimioterapia em mulheres com cancro da mama em estádios iniciais, assim como a identificar o tipo de tumores com mais riscos de metastização.”

hfashion-week

Archibald vinca ainda que, “até ao momento, ainda não sabemos quais as causas do cancro da mama, nem como tratar eficazmente 30% dos casos. Por isso a Laço tem estado a apoiar os nossos cientistas para dar mais esperança às mulheres diagnosticadas com cancro da mama”.

Esta não é a primeira vez que estes dois parceiros trabalham juntos, tendo, na edição de 2016, angariado oito mil euros.

“A Laço tornou-se nossa parceira na edição de 2016, durante a qual angariámos mais de 8.000€ para a associação. Nas duas semanas de março do ano passado tivemos mais de cinco mil clientes por todo o país a aderir aos pacotes HFW. O nosso objetivo para 2017 será superar todos estes números”, crê Joana Silva, a responsável de Marketing da cadeia de cabeleireiros.

Se até 19 de março a promoção passava por pagar 25€ por coloração e brushing, agora, a partir de 20 e até 26, o serviço abrangido na HFW é composto por corte e brushing por 19€. Por cada serviço prestado, a cadeia de cabeleireiros entrega 1,5€ à Associação Laço.

Para a Jean Louis David, esta parceria passa por sentir que há margem para “fazer a diferença e impactar todas as mulheres que passam, literalmente, pelas nossas mãos”. Nesse sentido – prossegue a responsável de Marketing – foi lançada “a iniciativa HFW como plataforma de alerta e apoio às mulheres que passam por situações difíceis”.

“Estamos sobretudo focados em duas causas que muito afetam a sociedade feminina portuguesa: o cancro de mama e a violência doméstica. Durante as HFW, somos mais de 300 profissionais a falar de luta contra o cancro de mama – é um veiculo de comunicação sem igual”, justifica Joana Silva.

As HFW “nasceram em 2015 e, desde então, que as repetimos duas vezes por ano: em março em parceria com o fundo IMM-Laço e em setembro, em parceria com a APAV”, recorda a responsável de Marketing. “Voltarmos a poder falar de HFW de ano para ano é um sinal do enorme impacto que esta ação tem junto de ambas associações, assim como junto das nossas clientes, que estão cada vez mais sensibilizadas para estas questões que tanto afetam todos nós”.

Imagem de destaque: Shutterstock

SUBSCREVER

Subscreva a newsletter e receba semanalmente todas as noticias de forma confortável

packshot_site

APP DELAS

Aceda por telemóvel, smartphone ou tablet as notícias, informações, num ambiente atrativo e intuitivo, compatível com o seu equipamento.

Appstore Googleplay

Os cuidados de beleza de primavera